Medidas Covid-19

 

Procedimentos de prevenção Covid19 – Casa Viana Guesthouse

  1. Plano de higienização

  • Lavagem e desinfeção, de acordo com o nosso protocolo interno, das superfícies onde colaboradores e clientes circulam, garantindo o controlo e a prevenção de infeções e resistências aos antimicrobianos.

  • Limpeza, várias vezes ao dia, das superfícies e objetos de utilização comum (incluindo balcões, interruptores de luz e de elevadores, maçanetas, puxadores de armários).

  • Ser dada preferência à limpeza húmida, em detrimento da limpeza a seco e do uso de aspirador de pó.

  • Renovação de ar das salas e espaços fechados é feita regularmente.

  • Nas zonas de pequeno-almoço, o reforço da higienização dos utensílios, equipamentos e superfícies e evitada ao máximo a manipulação direta dos alimentos por clientes e colaboradores.

2. Adequação do espaço selecionado para isolamento

  • Local para isolar pessoas que possam ser detetadas como casos suspeitos ou casos confirmados de COVID-19, que deve ter preferencialmente ventilação natural, ou sistema de ventilação mecânica, e possuir revestimentos lisos e laváveis, casa de banho, stock de materiais de limpeza, máscaras cirúrgicas e luvas descartáveis, termómetro, contentor de resíduos autónomo, sacos de resíduos, sacos de recolha de roupa usada, Kit com água e alguns alimentos não perecíveis.

  • A área de isolamento da Casa Viana Guesthouse é o quarto 2 “Levante”.        

3. Adequação das unidades de alojamento

  • A troca de roupa de cama e atoalhados é feita de 3 em 3 dias.

  • A definição de cuidados específicos para troca da roupa de cama e limpeza nos quartos, privilegiando dois tempos de intervenção espaçados e com proteção adequada conforme protocolo interno.

  • A remoção da roupa de cama e atoalhados feita sem a agitar ou sacudir, enrolando-a no sentido de fora para dentro, sem encostar ao corpo e transportando-a diretamente para a máquina de lavar.

  • A lavagem em separado à máquina e a temperaturas elevadas da roupa de cama/atoalhados (cerca de 60ºC).

  • A lavagem e desinfeção das almofadas sempre que mude o cliente.

  • 24 horas entre check-out e check-in.

  4. Equipamentos de higienização

  • Dispensadores de solução antissética de base alcoólica ou solução à base de álcool junto aos pontos de entrada/saída, e sempre que aplicável por piso, à entrada do restaurante, bar e instalações sanitárias comuns.

  5. Equipamentos de proteção individual

  • Equipamento de proteção individual disponível para clientes (para definição do stock deverá ter-se em atenção a capacidade máxima do estabelecimento).

  6. Conduta

  • Pequeno-almoço por turnos: 8h30m-9h20m ; 9h30m-10h30m. À carta, definido no dia anterior. Marcação prévia de mesas. Disponibilidade de duas mesas na sala grande e de duas mesas no terraço.

  • Cozinha: frigorífico comum: disponível das 8h30m às 20h. Cada quarto terá direito a uma caixa. Não existe serviço de cozinha. Tudo o que for necessário da cozinha, deve pedir ao colaborador.
  • São permitidas visitas rápidas nas áreas comuns, mediante pedido prévio, e têm que usar obrigatoriamente máscara.

  • Ocupação máxima da casa: 10 pessoas.
  • Ocupação máxima por quarto: 2 pessoas.

 7. Procedimentos em caso de suspeita de infeção

  • O colaborador responsável deve acompanhar o suspeito de infeção ao espaço de isolamento, prestar-lhe a assistência necessária e contactar o Serviço Nacional de Saúde.

Estas medidas podem sofrer alterações.

Posted on: 5 de Junho de 2020, by :